Unidade de Investigação do IPLeiria coordena estratégia para as Terras de Sicó

Ana Lopes, Ana Sargento, Eduarda Fernandes e Jacinta Moreira, docentes do Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), e investigadoras do Centro de Investigação em Gestão para a Sustentabilidade (CIGS) do IPLeiria, constituíram a equipa que coordenou o projeto “Terras de Sicó – Estratégia de Desenvolvimento Local”, aprovado recentemente pela Comissão de Avaliação de candidaturas ao Desenvolvimento Local de Base Comunitária, e contemplado com perto de 4,5 milhões de euros, no âmbito do quadro comunitário 2014-2020.

«A verba que a Associação Terras de Sicó irá gerir no apoio a projetos de desenvolvimento local será certamente determinante para o crescimento dos concelhos que fazem parte da Região de Sicó, refere Ana Sargento, coordenadora do CIGS.

O Presidente da direção da Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento, Dr. Rui Rocha, presidente de Câmara de Ansião, refere «esta é mais uma excelente oportunidade para aproximar os programas operacionais de financiamento às populações e às suas necessidades mais, nomeadamente para promover emprego e a inovação empresarial e social». A participação e dedicação do IPLeiria foi fundamental em todo o processo de desenvolvimento da estratégia de desenvolvimento local, agora aprovada no âmbito do programa de Desenvolvimento Local de Base Comunitária.

O trabalho consistiu na elaboração de uma estratégica de desenvolvimento local para o território de Sicó, bem como na definição dos correspondentes programas de ação e de investimentos e modelo de governação. O Desenvolvimento Local de Base Comunitária é um dos instrumentos de financiamento ao desenvolvimento territorial que se encontra previsto no quadro de financiamento europeu, a vigorar entre 2014 e 2020, e que visa promover, em territórios específicos, o desenvolvimento local e a diversificação das economias de base rural e das zonas pesqueiras e costeiras, bem como a inovação social.

O território “Terras de Sicó” situa-se na Região Centro do País, englobando a totalidade da área dos municípios de Alvaiázere, Ansião, Condeixa-a-Nova, Penela, Pombal e Soure, em torno do maciço da Serra de Sicó, somando uma área total aproximada a 1.500 km2. A Associação Terras de Sicó tem como objetivos estratégicos valorizar as produções de qualidade como alicerces da base económica local, potenciar a ruralidade e a biodiversidade como essência de um espaço de acolhimento, e fortalecer laços sociais e potenciar a cultura urbano-rural.