O IPLeiria tem vindo a consolidar o seu percurso como instituição de investigação, tendo como marca identitária um ecossistema de investigação e inovação e orientada para o tecido económico e social da região onde está inserido.

Neste momento, este ecossistema I&D+i, entre outros, é constituído por cinco escolas superiores, 18 centros de investigação (área das ciências sociais; educação; inclusão; turismo; gestão; ciências jurídicas; saúde; engenharia; desporto e qualidade de vida; ciência e tecnologia do mar), um centro de transferência de conhecimento e tecnologia, duas infraestruturas científicas (Edifício CDRSP – Engenharia e biofabricação; Edifício CETEMARES – Ciência e Tecnologia do Mar), bem como pela participação em: três incubadoras de empresas (a  IDD – Incubadora D. Dinis – Leiria do CCD – Centro de Competências D.Dinis; o OPEN – Oportunidades Específicas de Negócio – Marinha Grande; o ABC – Apoio de Base à Criatividade – Óbidos), uma business school, uma associação empresarial (NERLEI – Associação Empresarial da região de Leiria, um centro tecnológico (CENTIMFE – Centro Tecnológico da Indústria de Moldes, Ferramentas Especiais e Plásticos), um parque tecnológico (OBITEC – Parque Tecnológico de Óbidos), duas agências regionais de energia (Agência Regional de Energia da Alta Estremadura; Agência Regional de Energia e Ambiente do Oeste), um centro ciência viva (Centro Ciência Viva do Alviela – Carsoscópio) e quatro cluster e pólos de competitividade de tecnologia (Cluster do Conhecimento e Economia do Mar; Cluster Agro-Industrial do Centro – InovCluster; Pólo Engineering & Tooling; Pólo TICE.PT). 

 Com uma clara orientação para a investigação aplicada e para a procura de soluções para problemas concretos da sociedade e das empresas, muitos núcleos de I&D desenvolvem a sua atividade em estreita ligação com empresas, através da investigação, desenvolvimento de projetos ou pela prestação de serviços. Tendo em conta os últimos 5 anos, o IPLeiria viu aprovados e executou mais de 250 projetos e 75 prestações de serviços I&D+i a PMEs. Durante o mesmo período, o IPLeiria viu concedidas, pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial, 14 patentes, 11 modelos de utilidade, 19 marcas e 51 desenhos e modelos industriais.

 

Em relação à I&D, os serviços do Instituto têm como finalidades:

  • Apoiar, dinamizar, estruturar e coordenar as atividades de investigação e desenvolvimento no seio do IPLeiria;
  • Promover a criação de unidades de investigação e estimular a participação do pessoal docente nas mesmas, assim como a participação dos alunos de formação inicial e pós-graduada;
  • Estabelecer e/ou reforçar parcerias com outros institutos e unidades de investigação nacionais e estrangeiras, no âmbito da investigação e desenvolvimento, fomentando a participação em projetos conjuntos;
  • Promover o intercâmbio dos investigadores do IPLeiria com outros institutos e/ou unidades de investigação, nacionais e estrangeiras, assim como a integração de investigadores externos nas unidades de investigação do IPLeiria;
  • Promover a divulgação dos resultados da atividade científica das unidades de investigação, nomeadamente através de artigos, colóquios, seminários, conferências, feiras e outros eventos;
  • Potenciar e alargar as parcerias existentes para a formação pós-graduada, quer com outras instituições de ensino superior, quer com o setor empresarial.

Concurso de Qualificação de Entidades do Sistema Científico e Tecnológico (SCT)

O IPLeiria viu aprovada a sua candidatura ao Concurso de Qualificação de Entidades do Sistema Científico e Tecnológico (SCT), para a prestação de serviços de investigação e desenvolvimento tecnológico e para consultoria e serviços de apoio à inovação a pequenas e médias empresas (PME), no âmbito do Programa Operacional Fatores de Competitividade (POFC), do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN).

O Politécnico de Leiria torna-se, assim, uma entidade qualificada para a prestação de serviços às PME, que desejem candidatar-se aos concursos Vales de I&DT e Vales de Inovação do POFC.

Concurso Vale de I&DT

O Concurso Vale de I&DT destina-se a financiar 75 por cento do custo de aquisição de serviços de I&DT a uma entidade do SCT, a qual deverá ser selecionada da lista de entidades qualificadas – entre as quais o IPLeiria. Este concurso permite às PMEs candidatarem-se à aquisição de serviços de I&DT a entidades do sistema científico e tecnológico, qualificadas para resposta a questões e necessidades específicas das empresas. O seu objetivo principal é aumentar a competitividade das empresas, no sentido de melhorar produtos, processos ou serviços (transferência de conhecimento de natureza científica e tecnológica que constitui novidade para a empresa).

Concurso Vale de Inovação

O Concurso Vale de Inovação possibilita às PME a aquisição de serviços de consultoria e de apoio à inovação às entidades qualificadas, para resposta a necessidades específicas da empresa, no sentido do aumento da sua competitividade. Este Vale destina-se a financiar 75 por cento do custo de aquisição de serviços de consultoria e de apoio à inovação.