TeSP de Produtos de Apoio em Saúde

Vagas abertas para 2020/2021

Apresentação do curso

O TeSP em Produtos de Apoio em Saúde pretende ser um curso inovador que capacita os seus profissionais para o aconselhamento, disponibilização (de acordo com prescrição/recomendação) e manutenção de Produtos de Apoio, baseados numa política nacional, integrada e transversal que compensa e/ou atenua limitações e restrições de pessoas com deficiência ou incapacidade, permanente ou temporária.
A componente de formação inerente ao Técnico de Produtos de Apoio em Saúde irá promover o trabalho multiprofissional, a ligação direta com a indústria de bens de consumo, indústria farmacêutica, indústria ortopédica, indústria de importação, promovendo a utilização segura, eficaz e rentável dos produtos de apoio.
A vertente de atendimento ao público fará a interligação necessária com a comunidade no aconselhamento, disponibilização e manutenção básica de Produtos de Apoio em Saúde, necessários na promoção da autonomia e qualidade de vida da pessoa. Acredita-se que o profissional oriundo desta formação poderá integrar empresas de desenvolvimento e comercialização de dispositivos para a promoção da saúde e funcionalidade.

Objetivos

O Técnico Superior Profissional em Produtos de Apoio em Saúde será um profissional capaz de contribuir para o aconselhamento, a aquisição e a manutenção dos produtos de apoio necessários para a promoção da autonomia e da qualidade de vida da pessoa.

Atividades principais e perfil profissional:

Habilitado para atendimento ao público, bem como para a gestão de stocks e funções secretariado (bases de dados, produção de informação impressa e online) na área dos Produtos de Apoio, este Técnico Superior Profissional poderá integrar empresas de comercialização de produtos de apoio, bem como apoiar serviços que lidem com a avaliação, prescrição e atribuição de produtos (secretariado, apoio a Terapeutas e outros profissionais), como por exemplo: 

  • Fabricação de material ortopédico e próteses e de instrumentos médico-cirúrgicos;
  • Comércio por grosso de produtos farmacêuticos;
  • Comércio por grosso não especializado;
  • Comércio a retalho de produtos farmacêuticos em estabelecimentos especializados;
  • Comércio a retalho de produtos médicos e ortopédicos em estabelecimentos especializados.

Plano curricular

CódigoUnidade Curricular Período ECTS Horas de contacto
Desenvolvimento Pessoal e ProfissionalSemestral665 horas
Psicologia do DesenvolvimentoSemestral665 horas
Estruturas e Funções do CorpoSemestral665 horas
Língua InglesaSemestral445 horas
Oficina de PortuguêsSemestral445 horas
Higiene e SegurançaSemestral445 horas
Gestão e AdministraçãoSemestral555 horas
Tecnologias de Informação e Comunicação na SaúdeSemestral445 horas
Fundamentos de FuncionalidadeSemestral445 horas
Próteses e OrtótesesSemestral555 horas
Adaptação da Habitação e Local de TrabalhoSemestral665 horas
Produtos de Apoio - Mobilidade Pessoal e Transporte ISemestral665 horas
CódigoUnidade Curricular Período ECTS Horas de contacto
Produtos de Apoio - Cuidados Pessoais e ParticipaçãoSemestral555 horas
Produtos de Apoio - Atividades Domésticas e ParticipaçãoSemestral555 horas
Produtos de Apoio - Suporte e Substituição de Funções do CorpoSemestral555 horas
Produtos de Apoio - Comunicação, Informação e EducaçãoSemestral555 horas
Produtos de Apoio - Mobilidade Pessoal e Transporte IISemestral555 horas
Primeiros Socorros e Suporte Básico de VidaSemestral555 horas
EstágioSemestral30525 horas

Prosseguimento de estudos

ACESSO E INGRESSO NO ENSINO SUPERIOR
O acesso e ingresso no Ensino Superior para os titulares de um Curso Técnico Superior Profissional (TeSP) é regulado pelo Decreto-Lei n.º 113/2014. Os titulares de um TeSP podem concorrer a um ciclo de estudos de licenciatura pela via dos Concursos Especiais de Acesso ao Ensino Superior.

O ingresso estará sujeito a seriação, conforme legislação aplicável, e ao número de vagas estipulado para o curso/regime a que se candidata. As informações sobre os concursos especiais podem ser consultadas aqui.

Condições de acesso

  1. Titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente;
  2. Titulares de um diploma de especialização tecnológica, de um diploma de técnico superior profissional ou de um grau de ensino superior, que pretendam a sua requalificação profissional;
  3. Os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, realizadas, para o curso em causa, nos termos do Decreto-Lei n.º 64/2006, de 21 de março.

Mais informações

Consulte Produtos de Apoio em Saúde em:

 

Plano de Estudos

Despacho n.º 7586/2019, DR 2 Série, de 27 de agosto


Nota: Esta informação não dispensa a consulta do edital constante nesta página

BarraFinan