Regional University Network – European University

cooperação internacional

Regional University Network – European University

O Politécnico de Leiria integra e lidera uma das mais ambiciosas alianças transnacionais de instituições de ensino superior: uma Universidade Europeia focada no desenvolvimento regional sustentável.

Fundada no âmbito da Iniciativa Universidades Europeias e cofinanciada pelo Programa Erasmus+ da União Europeia (UE), a Regional University Network – European University (RUN-EU) oferece programas curriculares conjuntos e uma experiência única de mobilidade internacional.

A RUN-EU é composta por sete instituições de ensino superior que abrangem todas as regiões da Europa e assenta numa estratégia que procura revolucionar a qualidade e a competitividade do ensino superior e promover os valores europeus.

Esta aliança interuniversitária pretende:

  • reforçar a qualidade, inovação e atratividade do ensino superior europeu
  • oferecer programas curriculares que potenciem as competências necessárias para as profissões do futuro
  • estimular a competitividade nacional e internacional das regiões
  • promover um desenvolvimento económico, social, cultural e ambiental sustentável
  • ser um agente ativo na transformação social das regiões, oferecendo-lhes as ferramentas necessárias para enfrentar os desafios da sociedade.
76.000 estudantes
8.000 staff
53 faculdades/escolas
97 centros e equipasde investigação

Para atingir estes objetivos, entre 2020 e 2023, a RUN-EU vai:

  • criar 3 redes inter-regionais de investigação e inovação (European Innovation Hubs)
  • estabelecer 8 equipas internacionais de I&D (Discovery Programme)
  • desenvolver uma estratégia de mobilidade educativa – através de academias interuniversitárias para o desenvolvimento e promoção de programas curriculares inovadores, responsáveis pela criação de 80 programas avançados de curta duração e 24 cursos de dupla titulação.

Coordenação

Enquanto líder do projeto RUN-EU, o Politécnico de Leiria assume um papel central na gestão da estrutura governativa da rede, sendo responsável pelo controlo da execução dos objetivos do projeto dentro dos prazos estabelecidos e de acordo com o orçamento.

A estrutura da RUN-EU está dividida em oito grupos de trabalho
(work packages [WP]):

WP1 – Coordenação e gestão
WP2 – Redes inter-regionais de investigação e inovação (European Innovation Hubs)
WP3 – Academias interuniversitárias para o desenvolvimento e promoção de programas curriculares inovadores (Future and Advanced Skills Academies)
WP4 – Inovação da mobilidade na Europa
WP5 – Projetos de investigação e inovação sustentáveis (Discovery Programme)
WP6 – Programas curriculares avançados de curta duração
WP7 – Cursos europeus de dupla titulação
WP8 – Disseminação e comunicação

Na RUN-EU, apenas os grupos de trabalho 1 e 8 são liderados pelo Politécnico de Leiria, de modo a que a coordenação do projeto esteja alinhada com todos os instrumentos de comunicação externa e disseminação de resultados.

No entanto, há pelo menos um ponto de contacto do Politécnico de Leiria em cada grupo de trabalho.

WP1 – Prof Nuno Rodrigues | Prof Rui Fonseca Pinto
WP2 – Prof Ana Sargento
WP3 – Prof Isabel Pereira | Prof Carlos Neves
WP4 – Prof Paulo Almeida | Prof Naíde Martins
WP5 – Prof Marco Lemos
WP6 – Prof Sandrina Milhano
WP7 – Prof Marisa Dinis
WP8 – Prof Rita Cadima | Prof João dos Santos

Equipa RUN-EU do Politécnico de Leiria:
Joana Ferreira (Learning Designer)
Rita Cordeiro (Communications Manager)
Carolina Cardoso (Digital Content Manager)


Conselho de Estudantes

Na liderança da RUN-EU, o Politécnico de Leiria conta com o apoio de quatro órgãos de gestão: a Assembleia Geral, o Conselho de Gestão, o Conselho de Estudantes (Student Advisory Board) e o Conselho dos Parceiros Associados.

O Conselho de Estudantes é um órgão consultivo da RUN-EU e que presta apoio ao Conselho de Gestão nos assuntos que dizem respeito a:

  • atividades para os estudantes
  • inclusão
  • multiculturalismo
  • inovação da mobilidade na Europa
  • programas curriculares avançados de curta duração
  • e cursos europeus de dupla titulação.

O Conselho de Estudantes da RUN-EU é uma estrutura que funciona a dois níveis: regional e europeu.

Regional: 15 estudantes (10 nacionais e 5 internacionais [exteriores à UE]).
Reúne-se a cada seis meses para analisar a estratégia, resultados e impacto da RUN-EU ao nível regional, fazendo as necessárias recomendações.

Europeu: 120 estudantes (80 nacionais e 40 internacionais [exteriores à UE]).
Reúne-se durante a Assembleia Geral da RUN-EU, um evento que procura promover a partilha de culturas e experiências entre estudantes num ambiente multicultural.


Áreas de conhecimento e investigação

Nesta primeira fase de criação da Universidade Europeia, pretende criar-se uma verdadeira rede de colaboração entre as instituições de ensino superior e estimular a produção de conhecimento.

A RUN-EU vai desenvolver projetos conjuntos em oito áreas de I&D:

  • Creative Art, Design and Materials Thinking
  • Food & Biotechnology
  • Tourism
  • IOT & Cybersecurity
  • Advanced Manufacturing
  • Climate Change – Circular Economy & Decarbonisation
  • Education & Social Sciences
  • Health & Wellbeing

Como Universidade Europeia, promover a mobilidade internacional de professores e investigadores faz também parte dos objetivos a curto prazo.

As atividades de investigação da RUN-EU serão, assim, enquadradas em três
redes inter-regionais de investigação e inovação (European Innovation Hubs), dedicadas a:

  • Indústria do Futuro e Desenvolvimento Regional Sustentável
  • Bioeconomia
  • Inovação Social