Mestrado em Ciências da Educação – Especialização em Educação e Desenvolvimento Comunitário

Vagas abertas 2017/2018

Objetivos

O Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Educação e Desenvolvimento Comunitário, tem com objectivos, desenvolver competências teóricas e operacionais que permitam uma reflexão e intervenção adequadas a contextos educacionais diversificados, nomeadamente em educação formal e não formal, bem como em contextos escolares e não escolares.

Plano curricular

CodeCurricular Unit Period ECTS Workload
2057201Políticas Educativas e FormaçãoS1530 h
2057202Pedagogia Social e Desenvolvimento ComunitárioS1630 h
2057203Investigação em EducaçãoS1945 h
2057204Literacias e DesenvolvimentoS1645 h
2057205Educação para o DesenvolvimentoS1530 h
2057206Processos e Estratégias de Formação ao Longo da VidaS2945 h
2057207Sociologia da IntervençãoS2645 h
2057208Projetos de Intervenção em Educação e FormaçãoS2945 h
2057209Educação de Adultos e Desenvolvimento LocalS2645 h
CodeCurricular Unit Period ECTS Workload
2057210SeminárioS16
2057211ProjetoS154

Condições de acesso

Podem candidatar-se ao ciclo de estudos conducente ao grau de mestre em Ciências da Educação, especialização em Educação e Desenvolvimento Comunitário:

  1. Titulares do grau de licenciado ou equivalente legal nas áreas de educação (formal e não formal) e de ciências sociais
  2. Titulares de um grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo, nas áreas referidas na alínea a)
  3. Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objectivos do grau de licenciado pelo órgão científico estatutariamente competente do estabelecimento de ensino superior onde pretendem ser admitidos, desde que nas áreas referidas na alínea a)
  4. Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico estatutariamente competente do estabelecimento de ensino superior onde pretendem ser admitidos. (alínea d) do n.º 1 do artigo 17º do Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de Março, com as alterações introduzidas pelos normativos subsequentes)

Mais informações


Nota: Esta informação não dispensa a consulta do edital constante nesta página